FOCO ESPECIAL! REVIVER SOCIAL



Por Silvana Scórsin


A pandemia já causou, além de muitas mortes, muito caos na vida de toda a sociedade. Sonhos e projetos foram afetados, e por vezes de maneira irreparável. São tantas dúvidas que já estamos a um semestre de isolamento social, e o número de vítimas continua instável, não indicando rumo para que seguramente possamos ter atitudes mais ou menos flexíveis em relação ao distanciamento social. O esforço tem sido geral, todos se unem para praticar atos solidários aos que necessitam, aos mais afetados, além dos cientistas do mundo todo que estão realizando testes para vacinas que alcancem os 100 % de eficácia, em passos lentos sim, ou talvez, nos pareça assim, devido a nossa urgência de desejos e necessidades, as quais, nunca foram tão em comum no planeta terra.

No Brasil, o abre e fecha de comércios e outros setores da economia, demonstrou algumas verdades: nossa fragilidade perante uma catástrofe, governos divididos entre ciência e prática; caos e sobrevivência, pessoas solidárias, e infelizmente, muita informação desnecessária e irresponsável que desviaram o percurso de uma via única, causando pânico, desperdícios de dinheiro, tempo e vidas.

O Capital em Foco acompanhou todo o processo de vários ângulos profissionais, econômicos e sociais, e como neste momento teremos um retorno necessário de alguns setores importantes na cadeia econômica, que além de terem passado pelo sufoco de portas fechadas e faturamento quase zero, abrem as portas com “mil e umas” novas políticas (umas obrigatórias e outras não) de protocolo de atendimento e de prestação de serviços.

Estivemos “in loco” em um desses estabelecimentos, na sua data de retorno. O Restaurante “Noah Gardem Bar”, da 408 Sul em Brasília, conhecido por sua excelência gastronômica e pelo ambiente social agradável, que trazia som e apresentações ao vivo para até 200 pessoas por noite.

A equipe do Capital em Foco, composta por Silvana Scórsin, Ângela Scórsin, Karla Lopes, D’Roza e Adriana Braga, jornalistas e colunistas, tinham a missão de vivenciar o “novo normal” como está sendo definido o momento de transição da quarentena para o reviver social.




Destacamos nessa reportagem, entrevistas com alguns dos profissionais mais diretamente envolvidos com o atendimento ao público, e repercutimos aqui nos vídeos, um pouco do que está, e será daqui em diante.



Para os comerciantes de bares e restaurantes, e do setor turístico como um todo em Brasília, o desafio apenas recomeçou. O “reviver social” dependerá do conjunto de forças da comunidade que pode abraçar a causa do seu vizinho comerciante, e ajudá-lo a se reerguer, assim como, os Brasilienses podem e devem prestigiar a cidade com mais carinho por esses novos tempos.





Foto: Infomoney.com

Em Nova Iorque, a prefeitura estendeu eternamente os espaços, antes ocupados por carros estacionados, a restaurantes para adaptação de seus ambientes externos, um convite a novas paisagens nas ruas, com cercados já criativos de flores, entre outros. Imaginamos a Capital Federal, onde durante anos e anos, governos e


empresários divergiram sobre espaços nas entre quadras do Plano Piloto, os famosos “puxadinhos”, que agora possam, quem sabe, retomar os estudos de viabilidade para o bem comum.






“Na visita ao Noah Guarden bar, o que mais me impressionou foi o aplicativo Noruh para fazer o pedido e o pagamento, facilita para os clientes e também para os garçons. Mais ecológico, e não pegamos no mesmo cardápio que outras pessoas, o cuidado e a proteção do local foi excelente." Disse Adriana Braga - produtora de Mídia Social.





“O que mais me chamou a atenção, foi o atendimento desde o início com a medição de temperatura e o aviso sobre o número máximo de pessoas à mesa” – Disse nossa colunista Ângela Scórsin







“Tenho a impressão que os bons hábitos que estamos registrando aqui hoje, como higienização constantes, atendimento por aplicativo, aliás, fantástica essa tecnologia, e novas formas de apresentações públicas serão definitivas”. Silvana Scórsin – Jornalista.







O Jornal Capital em Foco continuará a acompanhar sempre as histórias que profissionais e empresários enfrentam para se inovar, e se superar a cada obstáculo que aparecer. Equipe CAPITAL EM FOCO! CONECANTO PESSOAS, HISTÓRIAS E PROFISSÕES.

42 visualizações
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon